Veja o que seu rosto diz sobre a sua saúde


Algumas mudanças na nossa aparência podem dizer muito sobre nossa saúde. O nosso rosto, por exemplo, pode indicar muitas coisas, inclusive doenças. Palidez, acne e rugas são alguns indicativos de que há alguma coisa errada, desde alimentação à doenças mais graves. Sendo assim, trazemos nesse post algumas informações sobre o que o seu rosto diz sobre a sua saúde. Quer ver só? Confira:
1. Rosto pálido e magro: é provável que você esteja exagerando nos exercícios ou na dieta. Essa atitude faz com que o rosto receba pouco oxigênio. Regule a atividade física e a alimentação.
2. Inchado: é provável que seja necessário reduzir o estresse e o consumo de bebidas alcoólicas. Faça alguma atividade física.
3. Rugas: talvez você esteja abusando do sol. Use bastante protetor solar.
4. Pele ressecada: é provável que estejam faltando vitaminas em sua dieta. Aposte em frutas e legumes para recuperar a vitalidade da pele.
5. Vermelhidão: pode ser o alto consumo de café, já que a cafeína desidrata a pele, ou mesmo falta de vitamina D, devido a pouca exposição solar.
6. Pele amarelada: há o risco de sofrer de anemia ou hepatite. Consulte um médico.
7. Palidez: pode indicar falta de ferro. Consuma alimentos ricos deste mineral.
8. Olheiras: pode ser insônia ou alimentação não saudável. Cigarro e álcool também ajudam no aparecimento das olheiras.
9. Acne: podem ser alterações hormonais ou alimentação rica em gordura. Tente manter a pele sempre limpa e se alimente adequadamente.
10. Linhas de expressão ao redor da boca: falta de vitamina B pode ser a causa. Nos casos dos lábios rachados pode haver ausência de vitamina C. Uma dieta com legumes, laranjas e pimentão podem ajudar.
Fonte: R7

Não tenho força de vontade o suficiente para emagrecer: o que fazer?

Sair da cama de manhã para trabalhar já é bastante difícil para a maioria das pessoas, mas a preguiça ainda pode ser maior se o compromisso é ir para a academia. A força de vontade pode ficar mais comprometida quando o você não vence o obstáculo, se sente culpado e encara o processo como uma espécie de fracasso.

Como afastar a preguiça e ter mais força de vontade

Em um artigo para o site Summer Tomato, a neurocientista Darya Rose ensina um método simples que afasta o sentimento de frustração e garante mais pique, disposição e força de vontade. Segundo a especialista, o segredo é avaliar o valor de ver cada evento repetido como uma nova oportunidade para experimentar a mudança de comportamento.
O pensamento ainda deve ser aliado ao hábito de ouvir mais a razão e menos a emoção. Ignorar os apelos emocionais que te deixam preso à cama por pura preguiça de manhã e entender de maneira prática os benefícios que terá ao levantar e partir para uma série de atividades físicas.
Darya afirma que, uma vez superado o obstáculo, em pouco tempo a tática se transforma em hábito natural e a força de vontade se sobrepõe, fazendo com que o sofrimento causado pela preguiça seja ignorado pela mente e pelo corpo. Trata-se de observar cada oportunidade de mudar seu comportamento como uma experiência de aprendizagem em vez de apenas um veredicto de sucesso ou fracasso.

4 coisas que podem acontecer quando você segura o xixi por muito tempo

Se você cresceu ouvindo sua mãe dizer que não deve segurar o xixi por muito tempo e que o hábito prejudica a saúde, saiba que o conselho tem fundamento médico e que reter a urina por longos períodos pode sim ser nocivo. Conheça 4 coisas que podem acontecer quando você insiste em adiar sua ida ao banheiro, mesmo quando está apertada:

Segurar o xixi faz mal para a saúde

1. Segurar o xixi por muito tempo aumenta suas chances de sofrer de infecções urinárias, pois a urina ajuda a limpar a uretra, onde bactérias ficam acumuladas. Quando você adia demais suas idas ao banheiro pode então acabar atrapalhando a higienização natural do corpo.
2. Quando você força a sua bexiga para segurar o xixi os músculos do assoalho pélvico começam a perder força e, ao longo do tempo, o hábito pode fazer com que você perca o controle de suas funções, enfraquecendo o órgão.
3. Se você fica muito tempo sem fazer xixi, sente grande alívio quando vai ao banheiro, mas, tempos depois percebe que ainda sente dores, saiba que o incômodo pode permanecer porque seus músculos permaneceram tão contraídos que vão acabar demorando para relaxar.
4. Quando você segura o xixi por muito tempo faz com que sua bexiga seja esticada ao limite, atrapalhando os sinais que corpo envia ao cérebro de que ela precisa ser esvaziada. No futuro, então, pode começar a sofrer com as consequências de não mais receber o importante aviso de que deve ir ao banheiro.
A capacidade física do corpo para segurar o xixi varia de pessoa para pessoa, mas na maioria das vezes as mulheres conseguem reter a urina entre 3 a 6 horas, dependendo da quantidade de líquido produzida, estado de hidratação e capacidade funcional da bexiga.

4 vegetais que, se você adicionar ao prato, vai fazer um detox bem mais rápido

Se existe algo certo no mundo da nutrição, essa certeza é que os vegetais estão entre o que há de melhor para o bom funcionamento do corpo. Recentemente, eles se mostraram eficazes também para fazer um bom “detox”, que nada mais é que aquele carinho cheio de nutrientes no seu corpo depois do exagero, restaurando a normalidade.
Em seu site, a nutricionista funcional Patricia Davidson Haiat aponta 4 vegetais que podem ser ótimos para essa finalidade, pois aceleram o resultado, e nós te contamos por que eles são tão bons.

Vegetais detox: 4 opções e seus benefícios

A nutricionista, conhecida por atender as celebridades, ensina, em seu site, a otimizar os dias detox, tão importantes depois de comilanças. Segundo a especialista, os vegetais são essenciais para eliminar as toxinas do organismo com mais rapidez. Ela indica o consumo de quatro em especial: couve, repolho, brotos e espinafre. Veja a seguir por que eles são tão benéficos.

Couve

As principais características que fazem da couve a rainha do detox são a presença de fibras e antioxidantes e a baixíssima quantidade de calorias. Quando você come, fica saciado e seu intestino funciona melhor. Além disso, o envelhecimento celular e o acúmulo de gordura nos vasos terão de enfrentar um poderoso adversário.
Ela é riquíssima ainda em vitaminas E, K e C e nos minerais cálcio, magnésio, fósforo, selênio e ferro, que a tornam ferramenta para prevenir doenças como câncer e anemia e ainda colocam a imunidade no topo.

Repolho

Além de, assim como a couve, ser riquíssimo em fibras, que dão saciedade e regulam o intestino, vitamina C, que aumenta a imunidade, e antioxidantes, que protegem nossas células, o repolho tem uma vantagem em especial: ele é um ótimo aliado do sistema digestivo. No estômago, ele alivia dores, regula excesso de ácido, alivia enjoo matinal e ajuda até a tratar úlcera.

Brotos

Brotos de feijão, trigo, alfafa e tantos outros têm uma característica em comum: eles são carregados de nutrientes, antioxidantes e fibras. Além disso, eles dão um charme e um gostinho especial à salada.

Espinafre

Cheio de fibras, o espinafre é rico também em cálcio, ferro, magnésio, potássio, nitrato e vitamina C. A presença de magnésio e nitrato fazem dele um potente vasodilatador, melhorando a performance em atividades físicas. A presença de antioxidantes carotenoides fazem dele, ainda, um alimento anticâncer e um poderoso antienvelhecimento.

Receita de suco detox

Outra dica de Patricia é usar os vegetais em sucos refrescantes. A receita a seguir é uma de suas sugestões.

Ingredientes

  • Uma folha de couve
  • Um punhado de hortelã
  • Uma cenoura pequena
  • Uma maçã
  • Uma xícara de suco de limão
  • Uma tangerina sem os caroços
  • Um pedaço de gengibre

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes com água no liquidificador. Tome em seguida.

Rapaz que morreu por chupão: é mesmo possível? Qual a chance de isso acontecer?

Recentemente, no México, foi noticiada a morte de um menor de idade em consequência de um chupão dado em seu pescoço – isso mesmo, um daqueles beijos com sucção trocados entre namorados. De acordo com o site local Info Notícias, o rapaz, 17, teve um Acidente Vascular Cerebral (AVC) em consequência do gesto.

Morte por chupão: entenda o caso

Ainda de acordo com informações do site, o caso teria acontecido no distrito de Iztapalapa, na Cidade do México. O jovem teria saído com sua namorada e voltado para casa. Na mesa do jantar, com sua família, ele começou a passar mal e teve convulsões.
A emergência foi chamada para socorrê-lo, mas não foi possível salvá-lo. Os paramédicos notaram uma enorme marca arroxeada em seu pescoço e constataram que o chupão havia formado um coágulo, que viajou a seu cérebro e causou um Acidente Vascular Cerebral (AVC).
A namorada – 7 anos mais velha - está foragida e sua localização é desconhecida.

Como um chupão pode causar um AVC?

O médico vascular Bonno van Bellen, do Hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo, conta que nas laterais no pescoço existem artérias chamadas carótidas. “Elas são muito superficiais, o que torna fácil sentir a pulsação delas apenas colocando as mãos sobre a região”, explica.
Essa localização próxima à pele, principalmente em pessoas mais magras, torna a artéria carótida mais suscetível a lesões, como um chupão ou um exercício físico mais intenso. O médico explica que é raríssimo que isso aconteça e conta ainda que não viu mais do que cinco casos desses em toda sua vivência médica. “Em um deles, uma menina foi jogada para cima em uma brincadeira, durante um acampamento e, ao cair, sua cabeça foi jogada para trás, estirando a carótida e causando a lesão”.

No caso do chupão, a pressão exercida faz um deslocamento da artéria carótida e causa uma lesão na sua camada mais interna, chamada íntima, que é mais frágil. As duas outras camadas do vaso são mais resistentes e se mantêm intactas.
A lesão na íntima pode formar uma irregularidade em sua superfície, que leva à formação de coágulos. “De uma a duas horas depois, esse trombo poderá causar um AVC ao interromper o fluxo de sangue para alguma parte do cérebro”, explica o especialista.

5 sintomas na menstruação que não são normais e indicam que você deve ir ao médico


Desde o início da adolescência você passa a aprender a conviver com a menstruação, mas, apesar da frequência e da naturalidade que vêm ao longo dos anos, o fato pode gerar dúvida até entre mulheres maduras, pois ela sofre alterações e, em alguns casos, a mudanças podem indicar problemas de saúde. Conheça 5 sintomas na menstruação que não são normais e alertam que você deve ir ao médico:

Sintomas da menstruação que são perigosos

1. Menstruação prolongada: um sangramento que ultrapassa oito dias, recebe o nome de hipermenorreia e, por provocar perda excessiva de sangue, pode provocar até anemia. Descontrole hormonal e doenças no útero são apenas algumas das causas da menstruação longa demais, que deve ser levada ao ginecologista.
2. Corrimento marrom: a coloração escura que dura muitos dias após a menstruação pode ser sinal de algum problema na região íntima e, portanto, um médico deve ser consultado para identificar possíveis causas e os tratamentos adequados para a condição.
3. Odor forte: cheiro desagradável e intenso ou diferente do normal durante a menstruação também precisa ser avaliado, pois pode ser indício de uma simples infecção até uma doença ginecológica mais grave.
4. Cólicas menstruais: não é preciso se preocupar se elas surgem de forma leve, mas se aparecem de maneira intensa e persistente, atrapalhando o dia a dia da mulher, e for acompanhada de um aumento progressivo no incômodo, pode ser sinal de endometriose e um ginecologista deve ser consultado.
5. Alteração no ciclo menstrual: em média, o período normal dura 28 dias, mas se você nota mudança muito grande, deve consultar um profissional da saúde. Através de exames será possível descobrir a causa do problema, que pode ser desde a síndrome dos ovários policísticos até doenças na tireoide, pólipos endometriais e miomas.

6 coisas que você deve fazer ao lavar suas calcinhas X 5 que prejudicam a saúde

Desde muito jovens as meninas aprendem que precisam dedicar atenção extra à lavagem das peças íntimas e, em alguns casos, acabam errando na higienização por seguir conselhos antigos e que já foram considerados prejudiciais por médicos. Como a limpeza da calcinha é fundamental para garantir saúde da vagina, nunca é tarde para conhecer a maneira correta de fazer a lavagem e os erros que precisam ser evitados.

Como lavar corretamente a calcinha

  1. Lavar a calcinha à mão ainda é a melhor maneira de garantir uma boa higienização e evitar contaminações.
  2. Especialistas recomendam lavar a calcinha com água quente para eliminar bactérias, mas em uma temperatura abaixo de 40° C.
  3. Prefira sempre usar sabão neutro ou sabão de coco para lavar a calcinha.
  4. A melhor maneira de secar a calcinha é deixando a peça em um ambiente arejado, preferencialmente à sombra.
  5. Para evitar contaminações, procure ainda pendurar a calcinha para secar do lado avesso
  6. Passar o fundo das calcinhas com ferro também ajuda a acabar com bactérias e algumas verminoses.

Erros na hora de lavar a calcinha


  1. Não lave a calcinha na máquina de lavar. Além de estragar a lingerie, ainda pode ocorrer contaminação por misturar diversas peças que podem conter bactérias.
  2. Sabão em pó tradicional, amaciantes ou mesmo alvejantes não devem entrar em contato com a peça íntima.
  3. Evite ao máximo o contato do pregador de roupas ou do varal com o forro da calcinha. A peça deve ser pendurada do lado do avesso para evitar contaminações.
  4. Apesar de ser um hábito comum, deixar a calcinha secando no box do banheiro pode fazer com que ela vire foco de fungos e bactérias que provocam irritações e infecções na vagina.
  5. Não guarde as calcinhas em gavetas com sabonete ou aromatizador e procure deixar as peças separadas das demais roupas.

Veja o que seu rosto diz sobre a sua saúde


Algumas mudanças na nossa aparência podem dizer muito sobre nossa saúde. O nosso rosto, por exemplo, pode indicar muitas coisas, inclusive doenças. Palidez, acne e rugas são alguns indicativos de que há alguma coisa errada, desde alimentação à doenças mais graves. Sendo assim, trazemos nesse post algumas informações sobre o que o seu rosto diz sobre a sua saúde. Quer ver só? Confira:
1. Rosto pálido e magro: é provável que você esteja exagerando nos exercícios ou na dieta. Essa atitude faz com que o rosto receba pouco oxigênio. Regule a atividade física e a alimentação.
2. Inchado: é provável que seja necessário reduzir o estresse e o consumo de bebidas alcoólicas. Faça alguma atividade física.
3. Rugas: talvez você esteja abusando do sol. Use bastante protetor solar.
4. Pele ressecada: é provável que estejam faltando vitaminas em sua dieta. Aposte em frutas e legumes para recuperar a vitalidade da pele.
5. Vermelhidão: pode ser o alto consumo de café, já que a cafeína desidrata a pele, ou mesmo falta de vitamina D, devido a pouca exposição solar.
6. Pele amarelada: há o risco de sofrer de anemia ou hepatite. Consulte um médico.
7. Palidez: pode indicar falta de ferro. Consuma alimentos ricos deste mineral.
8. Olheiras: pode ser insônia ou alimentação não saudável. Cigarro e álcool também ajudam no aparecimento das olheiras.
9. Acne: podem ser alterações hormonais ou alimentação rica em gordura. Tente manter a pele sempre limpa e se alimente adequadamente.
10. Linhas de expressão ao redor da boca: falta de vitamina B pode ser a causa. Nos casos dos lábios rachados pode haver ausência de vitamina C. Uma dieta com legumes, laranjas e pimentão podem ajudar.
Fonte: R7

Não tenho força de vontade o suficiente para emagrecer: o que fazer?

Sair da cama de manhã para trabalhar já é bastante difícil para a maioria das pessoas, mas a preguiça ainda pode ser maior se o compromisso é ir para a academia. A força de vontade pode ficar mais comprometida quando o você não vence o obstáculo, se sente culpado e encara o processo como uma espécie de fracasso.

Como afastar a preguiça e ter mais força de vontade

Em um artigo para o site Summer Tomato, a neurocientista Darya Rose ensina um método simples que afasta o sentimento de frustração e garante mais pique, disposição e força de vontade. Segundo a especialista, o segredo é avaliar o valor de ver cada evento repetido como uma nova oportunidade para experimentar a mudança de comportamento.
O pensamento ainda deve ser aliado ao hábito de ouvir mais a razão e menos a emoção. Ignorar os apelos emocionais que te deixam preso à cama por pura preguiça de manhã e entender de maneira prática os benefícios que terá ao levantar e partir para uma série de atividades físicas.
Darya afirma que, uma vez superado o obstáculo, em pouco tempo a tática se transforma em hábito natural e a força de vontade se sobrepõe, fazendo com que o sofrimento causado pela preguiça seja ignorado pela mente e pelo corpo. Trata-se de observar cada oportunidade de mudar seu comportamento como uma experiência de aprendizagem em vez de apenas um veredicto de sucesso ou fracasso.

4 coisas que podem acontecer quando você segura o xixi por muito tempo

Se você cresceu ouvindo sua mãe dizer que não deve segurar o xixi por muito tempo e que o hábito prejudica a saúde, saiba que o conselho tem fundamento médico e que reter a urina por longos períodos pode sim ser nocivo. Conheça 4 coisas que podem acontecer quando você insiste em adiar sua ida ao banheiro, mesmo quando está apertada:

Segurar o xixi faz mal para a saúde

1. Segurar o xixi por muito tempo aumenta suas chances de sofrer de infecções urinárias, pois a urina ajuda a limpar a uretra, onde bactérias ficam acumuladas. Quando você adia demais suas idas ao banheiro pode então acabar atrapalhando a higienização natural do corpo.
2. Quando você força a sua bexiga para segurar o xixi os músculos do assoalho pélvico começam a perder força e, ao longo do tempo, o hábito pode fazer com que você perca o controle de suas funções, enfraquecendo o órgão.
3. Se você fica muito tempo sem fazer xixi, sente grande alívio quando vai ao banheiro, mas, tempos depois percebe que ainda sente dores, saiba que o incômodo pode permanecer porque seus músculos permaneceram tão contraídos que vão acabar demorando para relaxar.
4. Quando você segura o xixi por muito tempo faz com que sua bexiga seja esticada ao limite, atrapalhando os sinais que corpo envia ao cérebro de que ela precisa ser esvaziada. No futuro, então, pode começar a sofrer com as consequências de não mais receber o importante aviso de que deve ir ao banheiro.
A capacidade física do corpo para segurar o xixi varia de pessoa para pessoa, mas na maioria das vezes as mulheres conseguem reter a urina entre 3 a 6 horas, dependendo da quantidade de líquido produzida, estado de hidratação e capacidade funcional da bexiga.

4 vegetais que, se você adicionar ao prato, vai fazer um detox bem mais rápido

Se existe algo certo no mundo da nutrição, essa certeza é que os vegetais estão entre o que há de melhor para o bom funcionamento do corpo. Recentemente, eles se mostraram eficazes também para fazer um bom “detox”, que nada mais é que aquele carinho cheio de nutrientes no seu corpo depois do exagero, restaurando a normalidade.
Em seu site, a nutricionista funcional Patricia Davidson Haiat aponta 4 vegetais que podem ser ótimos para essa finalidade, pois aceleram o resultado, e nós te contamos por que eles são tão bons.

Vegetais detox: 4 opções e seus benefícios

A nutricionista, conhecida por atender as celebridades, ensina, em seu site, a otimizar os dias detox, tão importantes depois de comilanças. Segundo a especialista, os vegetais são essenciais para eliminar as toxinas do organismo com mais rapidez. Ela indica o consumo de quatro em especial: couve, repolho, brotos e espinafre. Veja a seguir por que eles são tão benéficos.

Couve

As principais características que fazem da couve a rainha do detox são a presença de fibras e antioxidantes e a baixíssima quantidade de calorias. Quando você come, fica saciado e seu intestino funciona melhor. Além disso, o envelhecimento celular e o acúmulo de gordura nos vasos terão de enfrentar um poderoso adversário.
Ela é riquíssima ainda em vitaminas E, K e C e nos minerais cálcio, magnésio, fósforo, selênio e ferro, que a tornam ferramenta para prevenir doenças como câncer e anemia e ainda colocam a imunidade no topo.

Repolho

Além de, assim como a couve, ser riquíssimo em fibras, que dão saciedade e regulam o intestino, vitamina C, que aumenta a imunidade, e antioxidantes, que protegem nossas células, o repolho tem uma vantagem em especial: ele é um ótimo aliado do sistema digestivo. No estômago, ele alivia dores, regula excesso de ácido, alivia enjoo matinal e ajuda até a tratar úlcera.

Brotos

Brotos de feijão, trigo, alfafa e tantos outros têm uma característica em comum: eles são carregados de nutrientes, antioxidantes e fibras. Além disso, eles dão um charme e um gostinho especial à salada.

Espinafre

Cheio de fibras, o espinafre é rico também em cálcio, ferro, magnésio, potássio, nitrato e vitamina C. A presença de magnésio e nitrato fazem dele um potente vasodilatador, melhorando a performance em atividades físicas. A presença de antioxidantes carotenoides fazem dele, ainda, um alimento anticâncer e um poderoso antienvelhecimento.

Receita de suco detox

Outra dica de Patricia é usar os vegetais em sucos refrescantes. A receita a seguir é uma de suas sugestões.

Ingredientes

  • Uma folha de couve
  • Um punhado de hortelã
  • Uma cenoura pequena
  • Uma maçã
  • Uma xícara de suco de limão
  • Uma tangerina sem os caroços
  • Um pedaço de gengibre

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes com água no liquidificador. Tome em seguida.

Rapaz que morreu por chupão: é mesmo possível? Qual a chance de isso acontecer?

Recentemente, no México, foi noticiada a morte de um menor de idade em consequência de um chupão dado em seu pescoço – isso mesmo, um daqueles beijos com sucção trocados entre namorados. De acordo com o site local Info Notícias, o rapaz, 17, teve um Acidente Vascular Cerebral (AVC) em consequência do gesto.

Morte por chupão: entenda o caso

Ainda de acordo com informações do site, o caso teria acontecido no distrito de Iztapalapa, na Cidade do México. O jovem teria saído com sua namorada e voltado para casa. Na mesa do jantar, com sua família, ele começou a passar mal e teve convulsões.
A emergência foi chamada para socorrê-lo, mas não foi possível salvá-lo. Os paramédicos notaram uma enorme marca arroxeada em seu pescoço e constataram que o chupão havia formado um coágulo, que viajou a seu cérebro e causou um Acidente Vascular Cerebral (AVC).
A namorada – 7 anos mais velha - está foragida e sua localização é desconhecida.

Como um chupão pode causar um AVC?

O médico vascular Bonno van Bellen, do Hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo, conta que nas laterais no pescoço existem artérias chamadas carótidas. “Elas são muito superficiais, o que torna fácil sentir a pulsação delas apenas colocando as mãos sobre a região”, explica.
Essa localização próxima à pele, principalmente em pessoas mais magras, torna a artéria carótida mais suscetível a lesões, como um chupão ou um exercício físico mais intenso. O médico explica que é raríssimo que isso aconteça e conta ainda que não viu mais do que cinco casos desses em toda sua vivência médica. “Em um deles, uma menina foi jogada para cima em uma brincadeira, durante um acampamento e, ao cair, sua cabeça foi jogada para trás, estirando a carótida e causando a lesão”.

No caso do chupão, a pressão exercida faz um deslocamento da artéria carótida e causa uma lesão na sua camada mais interna, chamada íntima, que é mais frágil. As duas outras camadas do vaso são mais resistentes e se mantêm intactas.
A lesão na íntima pode formar uma irregularidade em sua superfície, que leva à formação de coágulos. “De uma a duas horas depois, esse trombo poderá causar um AVC ao interromper o fluxo de sangue para alguma parte do cérebro”, explica o especialista.

5 sintomas na menstruação que não são normais e indicam que você deve ir ao médico


Desde o início da adolescência você passa a aprender a conviver com a menstruação, mas, apesar da frequência e da naturalidade que vêm ao longo dos anos, o fato pode gerar dúvida até entre mulheres maduras, pois ela sofre alterações e, em alguns casos, a mudanças podem indicar problemas de saúde. Conheça 5 sintomas na menstruação que não são normais e alertam que você deve ir ao médico:

Sintomas da menstruação que são perigosos

1. Menstruação prolongada: um sangramento que ultrapassa oito dias, recebe o nome de hipermenorreia e, por provocar perda excessiva de sangue, pode provocar até anemia. Descontrole hormonal e doenças no útero são apenas algumas das causas da menstruação longa demais, que deve ser levada ao ginecologista.
2. Corrimento marrom: a coloração escura que dura muitos dias após a menstruação pode ser sinal de algum problema na região íntima e, portanto, um médico deve ser consultado para identificar possíveis causas e os tratamentos adequados para a condição.
3. Odor forte: cheiro desagradável e intenso ou diferente do normal durante a menstruação também precisa ser avaliado, pois pode ser indício de uma simples infecção até uma doença ginecológica mais grave.
4. Cólicas menstruais: não é preciso se preocupar se elas surgem de forma leve, mas se aparecem de maneira intensa e persistente, atrapalhando o dia a dia da mulher, e for acompanhada de um aumento progressivo no incômodo, pode ser sinal de endometriose e um ginecologista deve ser consultado.
5. Alteração no ciclo menstrual: em média, o período normal dura 28 dias, mas se você nota mudança muito grande, deve consultar um profissional da saúde. Através de exames será possível descobrir a causa do problema, que pode ser desde a síndrome dos ovários policísticos até doenças na tireoide, pólipos endometriais e miomas.

6 coisas que você deve fazer ao lavar suas calcinhas X 5 que prejudicam a saúde

Desde muito jovens as meninas aprendem que precisam dedicar atenção extra à lavagem das peças íntimas e, em alguns casos, acabam errando na higienização por seguir conselhos antigos e que já foram considerados prejudiciais por médicos. Como a limpeza da calcinha é fundamental para garantir saúde da vagina, nunca é tarde para conhecer a maneira correta de fazer a lavagem e os erros que precisam ser evitados.

Como lavar corretamente a calcinha

  1. Lavar a calcinha à mão ainda é a melhor maneira de garantir uma boa higienização e evitar contaminações.
  2. Especialistas recomendam lavar a calcinha com água quente para eliminar bactérias, mas em uma temperatura abaixo de 40° C.
  3. Prefira sempre usar sabão neutro ou sabão de coco para lavar a calcinha.
  4. A melhor maneira de secar a calcinha é deixando a peça em um ambiente arejado, preferencialmente à sombra.
  5. Para evitar contaminações, procure ainda pendurar a calcinha para secar do lado avesso
  6. Passar o fundo das calcinhas com ferro também ajuda a acabar com bactérias e algumas verminoses.

Erros na hora de lavar a calcinha


  1. Não lave a calcinha na máquina de lavar. Além de estragar a lingerie, ainda pode ocorrer contaminação por misturar diversas peças que podem conter bactérias.
  2. Sabão em pó tradicional, amaciantes ou mesmo alvejantes não devem entrar em contato com a peça íntima.
  3. Evite ao máximo o contato do pregador de roupas ou do varal com o forro da calcinha. A peça deve ser pendurada do lado do avesso para evitar contaminações.
  4. Apesar de ser um hábito comum, deixar a calcinha secando no box do banheiro pode fazer com que ela vire foco de fungos e bactérias que provocam irritações e infecções na vagina.
  5. Não guarde as calcinhas em gavetas com sabonete ou aromatizador e procure deixar as peças separadas das demais roupas.

Comments system